Como se forma um Fossil?!

Quarta-feira, 25 de Março de 2009

Enquadramento Geológico de Penha Garcia

 

            Idanha-a-Nova é um dos concelhos do distrito de Castelo Branco. Situa-se no interior de Portugal, integrando a unidade geológica identificada como Maciço Hespérico. O concelho de Idanha-a-Nova é delimitado a sul pelo rio Tejo a Este pelo rio Erges. A Norte e a este encontram-se os concelhos de Penamacor, Fundão e Castelo Branco.
A metade sul do distrito de Castelo Branco integra-se numa superfície aplanada, desnivelada em dois compartimentos através da grande escarpa de falha do Ponsul, a qual põe em contacto o xisto e o granito no degrau superior e as arcoses presentes no degrau inferior. Tendo uma direcção aproximada de NE – SO, é possível considerar que terá resultado da orogenia alpina. Com uma rejeição média que varia entre os 100 e os 200 m ela é claramente visível em Idanha-a-Nova e apresenta-se enquadrada por duas cristas quartzíticas, a de Perdigão e a de Penha Garcia
Os quartzitos, que formam cristas com dois a três quilómetros de largura e com um diferencial de 100 a 400 m, em relação à plataforma de xistos, prolongam-se, por vezes, durante dezenas de quilómetros. A sua formação decorreu desde acerca de 600-650 Milhões de anos.
Publicado por Inês e Joana às 14:18
Link do post | Comentar | Vdicionar aos favoritos

Mais sobre nós

Pesquisar neste blog

 

Junho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Posts recentes

Pseudoicnofósseis

Os Olhos das Trilobites

Vantagens dos Icnofósseis...

IV Congresso de GeoCienti...

Jornal ESALpicos – IV Con...

Alimentação das Trilobite...

Enquadramento Geológico d...

IV Congresso de Jovens Ge...

Rusophycus

Algumas Fotografias...

Arquivos

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008